Absurdo e graça!

.Na vida hoje caminhamos entre uma fome que condena ao sofrimento uma enorme parcela da humanidade
e uma tecnologia moderníssima que garante um padrão de conforto e bem estar nunca antes imaginado.
Um bilhão de seres humanos estão abaixo da linha da pobreza, na mais absoluta miséria, passam FOME !
Com a tecnologia que foi inventada seria possível produzir alimentos e acabar com TODA a fome no mundo,
não fossem os interesses de alguns grupos detentores da tecnologia e do poder.

"Para mim, o absurdo e a graça não estão mais separados.
Dizer que "tudo é absurdo" ou dizer que "tudo é graça "
é igualmente mentir ou trapacear...
Como morrer e ressuscitar, o absurdo e a graça são só dois lados da mesma moeda."
"Hoje a graça e o absurdo caminham, em mim lado a lado,
não mais estranhos,
mas estranhamente amigos"
A cada dia,nas situações que se nos apresentam podemos decidir entre perpetuar o absurdo ou promover a Graça. (Jean Yves Leloup)

* O Blog tem o mesmo nome do livro autobiográfico de Jean Yves Leloup, e é uma forma de homenagear a quem muito tem me ensinado em seus retiros, seminários e workshops *

Receba "O Absurdo e a Graça" por Email

Total de visualizações de página

20 de abril de 2016

O momento exige interiorização e domínio de si mesmo.



Tenho recebido vários vídeos e mensagens que claramente buscam me tirar do sério, fazer com que eu perca o meu equilíbrio e despertar raiva e ódio em mim. Eu sei que essa é uma estratégia, inclusive muito usada pela rede globo para minar as defesas e nos tornar mais facilmente permeáveis àquilo que querem que acreditemos como verdade. A mídia vem fazendo isso já há alguns anos. Ou ninguém notou que os noticiários só transmitem notícias que despertam indignação, medo, revolta, ódio. Essa etapa concluída é só direcionar esses sentimentos para um objetivo.
 è impressionante como as pessoas perdem a capacidade de raciocinar, de olhar os fatos   questionar, de checar as informações com outras fontes, especialmente as de fora do país.
 Sem dúvida neste momento precisamos não cair nesta armadilha, especialmente as pessoas espiritualizadas, independente da religião que professem.
 Neste momento todo cuidado é pouco. É preciso estar atento e aprender a não se deixar levar pelo desespero, pela ansiedade. Uma das melhores referências neste momento é a história de Gandhi e sua estratégia para libertar seu país. Jejum, meditação e oração e resistência pela não violência ativa.
Manter a mente quieta, a espinha ereta e o coração tranquilo é mais do que só uma música do Walter Franco, é uma formula de sucesso para se tornar dono da situação. Por isso não entre em discussões que não vão levar a nada nem mudar a situação. Firme sua posição, defenda-a, mas tente manter a calma para ter clareza ao argumentar.
Como eu já havia dito, há uma grande batalha em um outro nível que está sendo travada entre as forças de evolução e as de involução. Chegam notícias de que a Partir de hoje estaremos recebendo ajuda do alto, para começar a limpar a energia para o novo ciclo que se iniciará em breve (essa orientação não se refere a situação política) mas ao ciclo de energia que envolve a resolução de conflitos para preparação das etapas de evolução na terra.
Dentro de cada crença há um desejo expresso de evolução, crescimento para a luz, direcionado  a Paz, é neste sentido que podemos  nos alinhar para vibrar positivamente e ajudar a espalhar essa luz/energia para outras pessoas.
Procure criar uma atmosfera de confiança, e de disponibilidade, esteja pronto para ajudar a quem precisar de apoio. Há muitas pessoas desesperadas, algumas estão adoecendo. As forças contrárias a paz e a evolução projetaram muita escuridão e muita desesperança, que são suas armas principais no último dia 17 e vem reforçando isso nestes últimos dias. Mais do que preservar o poder, o que está em jogo é um projeto de crescimento e evolução para o Brasil  que é muito maior do que qualquer disputa política. Esse projeto vinha caminhando com muita dificuldade e agora corre o risco de ser abortado. Isso nos levaria a um atraso considerável, e muitos anos talvez fossem necessários para voltar a estar no nível que já alcançamos.
A fé precisa ser aliada à nossa bagagem como arma poderosa, é ela, e só ela que neutraliza o medo.
Vamos então usar as práticas que temos afinidade: oração, meditação, vibração... Precisamos muito estar alinhados, unidos e emanando as vibrações que nos chegam do alto.

Para os que conhecem a técnica do Ho’oponopono, o mantra  é:
Minhas queridas memórias eu as amo, sou grato por poder libertá-las e assim libertar-me também. Divindade, cura em mim o que está contribuindo para esta situação. Sinto muito, me perdoe, sou grato, eu te amo - Ho’oponopono

Nenhum comentário:

Postar um comentário