Absurdo e graça!

.Na vida hoje caminhamos entre uma fome que condena ao sofrimento uma enorme parcela da humanidade
e uma tecnologia moderníssima que garante um padrão de conforto e bem estar nunca antes imaginado.
Um bilhão de seres humanos estão abaixo da linha da pobreza, na mais absoluta miséria, passam FOME !
Com a tecnologia que foi inventada seria possível produzir alimentos e acabar com TODA a fome no mundo,
não fossem os interesses de alguns grupos detentores da tecnologia e do poder.

"Para mim, o absurdo e a graça não estão mais separados.
Dizer que "tudo é absurdo" ou dizer que "tudo é graça "
é igualmente mentir ou trapacear...
Como morrer e ressuscitar, o absurdo e a graça são só dois lados da mesma moeda."
"Hoje a graça e o absurdo caminham, em mim lado a lado,
não mais estranhos,
mas estranhamente amigos"
A cada dia,nas situações que se nos apresentam podemos decidir entre perpetuar o absurdo ou promover a Graça. (Jean Yves Leloup)

* O Blog tem o mesmo nome do livro autobiográfico de Jean Yves Leloup, e é uma forma de homenagear a quem muito tem me ensinado em seus retiros, seminários e workshops *

Receba "O Absurdo e a Graça" por Email

Total de visualizações de página

Seja Bem vindo (a)!

Agradeço por sua visita, ela é muito oportuna.
Aqui eu reúno pensamentos meus
e de outras pessoas com quem sinto afinidade de idéias e ideais.


"Vamos precisar de todo mundo
pra banir do mundo a opressão
Para construir a vida nova
vamos precisar de muito amor...

Vamos precisar de todo mundo,
um mais um é sempre mais que dois
Pra melhor juntar as nossas forças
é só repartir melhor o pão...

Deixa nascer o amor/Deixa fluir o amor
Deixa crescer o amor/Deixa viver o amor

O sal da terra,..." (
Beto Guedes)

12 de outubro de 2016

Tudo passa...



Eu já vi tanta coisa...Vi o velho Getúlio ser execrado e voltar nos braços do povo.
Vi Juscelino ser perseguido e depois admirado por seus feitos.
Vi o Jânio ser a grande esperança para depois ser tido como doido.
 Ví o Collor prometer caçar marajás e acabar caçado e, depois de ter os direitos suspensos voltar eleito pelo voto do povo.
Eu vi o Lula ser taxado de subversivo e anos depois virar esperança do povo, para hoje ser acusado de corrupto, sem que nenhuma prova apareça contra ele.
Eu vi a igreja do Brasil aplaudir a ditadura e se levantar contra ela...para vê-la novamente de joelhos diante dos poderosos.
Nada é definitivamente, tudo é impermanência.
Por isso, não me atrevo mais a dizer qualquer coisa com relação aos absurdos que estamos assistindo. O povo parece perplexo e sem reação.
Tenho a impressão de que anestesiaram a consciência dos cidadãos, mas não, na verdade há uma lavagem cerebral diária que emprenha os olhos, os ouvidos e a mente de todos pela televisão.
Como tudo passa, isso também passará, como passara, Hitler, Mussolini, Getúlio, Salazar e Franco. Como passaram os generais daqui da argentina e de tantos lugares. Tudo passa e o mundo segue seu caminho.
Há momentos em que se tem que reconhecer que estamos rendidos e que a melhor estratégia é tirar o time de campo para reorganizar as táticas. Foi exatamente assim em 68/69 depois do AI-5.
Tendo a concordar com  o saudoso Moacyr Felix : “É inútil querer parar o homem!”, por mais que o reprimam os sonhos caminharão e um dia se realizarão. Ás vezes custam e demoram a se realizar, mas um dia eles acontecem e a alegria explode como um novo dia.
 Na verdade esta é uma batalha do bem contra o mal e até poderia ser mote para a feitura de um cordel que poderia se chamar “o Vampiro Impostor contra o Povo Brasileiro” mas até cordel passa quando o cantador encontra outro mote que faça mais sucesso .
Vou seguir o conselho do bom e velho sábio do Tibet, ele traz a sabedoria dos tempos e sabe muito bem o que é melhor para nossa trajetória:
 “O silêncio, as vezes, é a melhor resposta” - S.S. Dalai Lama

Nenhum comentário:

Postar um comentário