Absurdo e graça!

.Na vida hoje caminhamos entre uma fome que condena ao sofrimento uma enorme parcela da humanidade
e uma tecnologia moderníssima que garante um padrão de conforto e bem estar nunca antes imaginado.
Um bilhão de seres humanos estão abaixo da linha da pobreza, na mais absoluta miséria, passam FOME !
Com a tecnologia que foi inventada seria possível produzir alimentos e acabar com TODA a fome no mundo,
não fossem os interesses de alguns grupos detentores da tecnologia e do poder.

"Para mim, o absurdo e a graça não estão mais separados.
Dizer que "tudo é absurdo" ou dizer que "tudo é graça "
é igualmente mentir ou trapacear...
Como morrer e ressuscitar, o absurdo e a graça são só dois lados da mesma moeda."
"Hoje a graça e o absurdo caminham, em mim lado a lado,
não mais estranhos,
mas estranhamente amigos"
A cada dia,nas situações que se nos apresentam podemos decidir entre perpetuar o absurdo ou promover a Graça. (Jean Yves Leloup)

* O Blog tem o mesmo nome do livro autobiográfico de Jean Yves Leloup, e é uma forma de homenagear a quem muito tem me ensinado em seus retiros, seminários e workshops *

Receba "O Absurdo e a Graça" por Email

você pode me acompanhar também

Minha página facebook:
https://web.facebook.com/jricoliveira

Ou a pagina do Blog no Facebook:
https://web.facebook.com/oAbsurdoeaGraca/

Seja Bem vindo (a)!

Agradeço por sua visita, ela é muito oportuna.
Aqui eu reúno pensamentos meus
e de outras pessoas com quem sinto afinidade de idéias e ideais.


"Vamos precisar de todo mundo
pra banir do mundo a opressão
Para construir a vida nova
vamos precisar de muito amor...

Vamos precisar de todo mundo,
um mais um é sempre mais que dois
Pra melhor juntar as nossas forças
é só repartir melhor o pão...

Deixa nascer o amor/Deixa fluir o amor
Deixa crescer o amor/Deixa viver o amor

O sal da terra,..." (
Beto Guedes)

7 de agosto de 2017

Perplexidade



Em muitos anos de vida sinto uma estranha sensação. Percebo que a cada dia as certezas diminuem, e as dúvidas se avolumam. Sempre gostei daquela frase que diz: quando acho que tenho todas as respostas, vem a vida e me mostra uma infinidade de novas perguntas. 
É mais do que isso, a sensação é de não ter mais chão, de que o projeto humano está por um fio muito tênue, prestes a se romper...
Nâo é depressão, não é pessimismo, o termo que melhor define é perplexidade.
Quando vejo  a mentira ser utilizada para enganar as pessoas de forma sórdida, e ainda ser apelidade de pós verdades. Quando vejo que valores éticos  parece se  desfazer em meio a um mar de corrupção onde justiça se confunde com levar vantagens. Quando vejo  atiradores entrando em templos, escolas, cinemas e matando sem a menor cerimônia... Quando constato uma quantidade de réus em um processo onde as dúvidas sobre a idoneidade dos acusados não são maiores do que as que pairam sobre os acusadores e pior sobre aqueles que deveriam ser isentos para julgar...Quando leio que na instituição igreja católica eminências pardas que possibilitam lavagem de dinheiro, investimentos em armas de morte se colocam de forma covarde contra um papa que veio restaurar os ensinamentos do mestre Jesus... Quando vejo pastores distorcendo a Bíblia em busca do próprio enriquecimento, e gente de todos os tipos de manifestação religiosa e espiritual mais preocupadas com o aspecto material, eu sinto uma estranha sensação de não saber onde estou e para onde quero ir.
Só o que me resta são dúvidas, e no meio delas uma única certeza de que o que quer que eu ainda acredite, está dentro de mim, bem lá no fundo do meu coração. E é para essa "coisa" que não ouso nomear, porque tenho medo que também me seja roubada, é para essa realidade que me aquece e ainda ilumina os meus pensamentos e a minha consciência que eu rezo todos os dias...
"O reino de Deus está no meio de vós" foi o que Ele disse...

Nenhum comentário:

Postar um comentário